quarta-feira, 4 de abril de 2018

Romullo Ribas teve experiência com chuva no traçado de Londrina

O automobilismo envolve vitórias, derrotas, mas principalmente muitos quilômetros rodados para saber lidar com situações adversas.


E geralmente, os melhores pilotos saem do kart, e iniciam estas experiências muito cedo. Romullo
Ribas ainda não completou um ano no esporte a motor, mas já passou por diversos momentos, alguns bons, outros nem tanto, mas sempre agradecendo pela bagagem com a qual retorna para casa.

No mês de março, o piloto representante de Pinhais, disputou três campeonatos diferentes. Conquistou a vitória pela Cadete Rookie na Copa Super Paraná de Kart, no Raceland, pista de casa, a pole position no Beto Carrero, em Penha-SC, onde um acidente tirou as chances do piloto de brigar por um lugar no podium, e no último final de semana esteve em Londrina, na 21ª edição do Sul-brasileiro de kart, em que experimentou uma competição em pista molhada.

 “O Romullo foi para Londrina após duas competições seguidas bem intensas. Este é o ano de estreia dele na categoria Cadete, em diversas pistas e situações, e ele ainda está se adaptando com uma agenda movimentada. No Sul-brasileiro de Kart, disputado no último sábado, ele não alcançou o rendimento esperado, mas sabemos do potencial que tem. Foi a primeira experiência em pista molhada e conseguiu defender a posição, um baita aprendizado”, comentou Rodrigo Paixão, coach do piloto.

 Romullo Ribas terá um final de semana sem competição e retoma as atividades no kart no dia 12 de abril, na 3ª etapa da Copa São Paulo KGV, em Cotia.
Siga o piloto no facebook.com/pilotoromulloribas

Texto e foto: Eni Alves

Nenhum comentário:

Postar um comentário