terça-feira, 27 de fevereiro de 2018

Com vitória por 0s020 na segunda etapa, Luc Monteiro é o novo líder do Fusca Cup

Paranaense da WeCredit Racing alcançou a liderança com ultrapassagem nos últimos metros da corrida do último sábado em Interlagos.


A WeCredit Racing, braço do Grupo Financial no automobilismo, teve uma estreia vitoriosa na temporada 2018. Coube ao paranaense Luc Monteiro a conquista da primeira vitória da marca nas pistas, no último sábado (24), na segunda etapa do Campeonato Paulista de Automobilismo. Pilotando o carro número 66 da Wessler Competições, o piloto da cidade de Cascavel venceu a segunda etapa do Fusca Cup, assumindo a liderança do campeonato.

A liderança e a vitória foram alcançadas nos últimos metros da corrida no Autódromo José Carlos Pace, em Interlagos. Monteiro conseguiu na linha de chegada, depois de 14 voltas de disputas, a ultrapassagem sobre o paulista Thiago Perez, que lhe valeu a primeira vitória no automobilismo – a vantagem foi de 20 milésimos de segundo. O resultado o levou à liderança do Fusca Cup com 35 pontos, contra 20 do vice-líder Gustavo Lima e 15 de Perez, o terceiro.

“Fiz uma largada muito boa, cheguei ao S do Senna à frente dos outros três Fuscas”, conta Monteiro, citando Perez e também os paulistas Fernando Alcoforado e Marco Fábio Inglese, que pontuam em outra classe da Turismo N, subdivisão da categoria Classic Cup. “O Thiagão me passou ainda na primeira metade da corrida e só conseguiu abrir um pouco quando perdi tempo com um Passat que tinha problemas em alguns pontos da pista”, prossegue.

As voltas finais marcaram uma aproximação de Monteiro em relação a Perez. “Estava mais próximo a cada volta, fiquei pensando até que ele estava me esperando por graça, ou quem sabe para me dar a vitória de presente. Não seria tão estranho, é um sujeito que já ganhou umas trezentas corridas nesse negócio, eu estava a atrás da primeira. Na última volta cheguei de vez, mas ele não facilitou. Só consegui pôr do lado dele na reta de chegada”, descreve.

Além do Grupo Financial, através de sua marca WeCredit, Luc Monteiro atua no Campeonato Paulista de Automobilismo com apoio de Inspevel, Grupo ODA e Picoloko. Ele também foi à pista nas duas corridas da categoria Marcas & Pilotos, onde atua na classe Novatos com o GM Celta número 66. Com dois segundos lugares, o paranaense está na vice-liderança da temporada, atrás do paulista Giovani Almeida, seu companheiro de equipe na Alpie Competições.

“A primeira corrida da etapa foi, sem dúvida, a melhor que fiz até hoje no automobilismo”, define o piloto e narrador de corridas. “Passei três carros já na largada, inclusive o Giovani. Sabia que ia ser muito difícil segurar a ponta da Novatos, o Giovani ainda é mais rápido. Logo depois ele me passou, mas não abriu. Fiquei na cola dele a corrida toda, cheguei a passar quando ele errou no S do Senna, e ele recuperou a ponta de novo”, resume.

Luc Monteiro subiu ao pódio da primeira corrida como vencedor. “No fim da corrida eu estava uns dois segundos atrás do Giovani, mas ele tomou uma punição de 20 segundos por queima de relargada. Depois do pódio a punição foi revista, a vitória foi devolvida a ele. Trocamos os troféus no box, mesmo, e a festa pela dobradinha continuou. Para mim estava tudo ótimo, tinha acabado de fazer uma corrida que mostrou bastante evolução”, resume.

A expectativa de voltar a vencer no complemento da etapa de Marcas & Pilotos esbarrou em uma saída de pista na primeira volta da prova de domingo (25). “Um piloto da Light forçou uma ultrapassagem no fim da reta oposta, tive de sair para a área de escape para evitar uma batida forte, a chance de buscar o Giovani, que era pole geral por ter sido sexto na primeira corrida, acabou”, conta Monteiro, que terminou em segundo, à frente do paulista Hugo Doria.

Texto: Grelak Comunicação
Foto: Rodrigo Ruiz

Nenhum comentário:

Postar um comentário