domingo, 26 de julho de 2015

Quebra de motor impede Augusto Farfus de brigar pela vitória nas 24 Horas de Spa-Francorchamps

Carro do brasileiro liderava a tradicional prova com mais de 1 minuto de vantagem, mas teve de abandonar com problema mecânico a cinco horas do fim.



O bom desempenho esperado por Augusto Farfus para a disputa das 24 Horas de Spa-Francorchamps neste fim de semana se confirmou. O trio formado pelo brasileiro, Maxime Martin e Dirk Werner fazia uma grande prova a bordo da BMW Z4 GT3 #45 do Team Marc VDS. Após largar na 10ª posição, Martin conseguiu se aproximar das primeiras posições. Depois, Farfus conduziu o carro por três stints seguidos, e assumiu a liderança da tradicional prova de longa duração.

O instável clima belga se fez presente durante toda a corrida, com forte chuva e a intervenção do safety-car por 10 vezes. O piloto da BMW e seus companheiros aproveitaram do bom ritmo do carro e da experiência no desafiador circuito de 7,004 km de extensão e conseguiram manter a boa posição. Porém, com 19 horas de prova e 399 voltas completadas, o carro #45 apresentou um inédito problema de motor, quando tinha mais de 1 minuto de vantagem na primeira posição, e teve de recolher para boxes, encerrando prematuramente a participação do trio. A vitória ficou com o segundo carro da equipe belga Marc VDS, a BMW #46 conduzida por Nicky Catsburg, Markus Paltalla e Lucas Luhr.

Sem intervalo para descanso, Augusto Farfus já volta seu foco para a disputa do DTM, que realiza a quinta etapa do campeonato no próximo fim de semana, entre 31 de julho e 2 de agosto no circuito de Red Bull Ring, em Spielberg, na Áustria. Depois de conquistar o pódio na última rodada dupla, na Holanda, o curitibano planeja manter a boa sequência para subir na classificação geral.

Augusto Farfus:

"A prova começou com condições bem difíceis na chuva, mas tínhamos um carro extremamente competitivo. Conseguimos aproveitar do bom ritmo para avançar posições logo depois da largada e durante a madrugada abrir uma boa vantagem. Mas faltando cinco horas para o fim da prova, quebrou o motor. Já fiz várias provas com a BMW Z4 e nunca tivemos esse tipo de problema, então é bem triste perder uma prova tão importante como as 24 Horas de Spa-Francorhamps assim, com um equipamento muito bem acertado e um minuto de vantagem, mas faz parte. Parabéns a toda equipe Marc VDS pelo grande trabalho e pela vitória com o carro #46. Agora, o foco é total no DTM e na etapa de Spielberg, que já acontece neste fim de semana, e onde vamos buscar manter o bom desempenho".


Texto: EverSports
Foto: BMW

Nenhum comentário:

Postar um comentário